Debrecen e o casamento Luso-Hungaro

Debrecen e o casamento Luso-Hungaro

Quando o meu amigo de infância me disse que ia casar, fiquei super feliz por ele! Quando me disse que o casamento seria em Debrecen,na Hungria, achei super fofo e tradicional! A esposa é de lá e eles decidiram fazer a vida deles lá! Adoro casamentos, porque acredito sempre no amor e na felicidade. E nada me deixa mais feliz do que ver bem os que amo! 🙂

Por isso… preparei-me, pedi dias de folga e lá fui eu para a Hungria! Foi tudo muito á justa! Porque o casamento foi no dia 17 e eu regressava de um voo na manhã de 16! Pelo que fiz o que nunca se deve fazer num país árabe tão exigente e tradicional….

Uma Aventura no Médio Oriente

Assim que aterramos, fiz os meus deveres o mais rápido possível e apressei a equipa toda! ( já era procedimento normal quando algum de nós tinha de seguir viagem! E como toda a gente é de longe, a equipa toda compreende e ajuda!)

A minha companhia aérea tinha umas regras muito rígidas… Mas todas as regras são para “não ser cumpridas” de vez em quando, certo?

P.s: só estou a contar esta história, porque sei que vocês não vão contar a ninguém! ah ah

Bem, continuando…

O suposto era eu ir a casa e mudar do uniforme para roupa civil e agarrar na mala e seguir de novo para o aeroporto… Só que não! Não! Não! Não!

Não dava tempo! Se fizesse isso, só teria voo para Budapeste no dia seguinte e portanto não chegaria a tempo do casamento! 🙁

Por isso…. a menina colocou a roupa para 4 dias na mala de cabine! Não me perguntem como… nem digam nada ao Dallas, porque por norma para 2 dias eu levo o equivalente a 3 ou 4 malas… Mais um segredo que fica entre nós, ok? 😛

Taxi

Bem, de uniforme vestido e com apenas a mala de cabine e a mala de mão (parte do uniforme e por sinal ridícula – feia mesmo!) meti-me num táxi e fui da zona das hospedeiras para a zona de partidas. Uma viagem de 5 minutos, nem isso!

Em qualquer sitio na Europa eu teria feito o que tantas vezes vemos nos filmes:

“Que prédio é aquele?” – perguntaria a menina inocente ao taxista, enquanto tira uma peça de roupa e veste outra! Ah ah

Quantas vezes vemos isso em filmes? Mas passa-se sempre em NY, não é?

Nada de Médio Oriente… lol

Então eu digo-vos como foi a minha aventura…

Primeiro entrei com a mala de cabine para a parte de trás do táxi. De lá tirei um vestido bem largo mas de manga curta. E pimba, vesti por cima da camisa e da saia! Depois do vestido, ainda consegui tirar a camisa, á moda do filme… o que já é muito grave! Ainda que em minha defesa devo dizer que usava sempre uma camisola de alças por baixo da camisa, e essa ficou, mesmo por baixo do vestido!

Não esquecer que fazia parte do uniforme usar collants e sapatos clássicos pretos… Apesar da minha desenvoltura para imitar as atrizes de Hollywood, quando dei por mim já estávamos em frente á zona de partidas… Por isso entrei no aeroporto com um vestido de verão , meias de compressão grossas e sapatos clássicos! Sim! Muito linda eu! Apenas tirei o chapeuzinho… e que rica figurinha que entrou no aeroporto! Ah ah Nada ao estilo de sexo e a cidade…

Como seria de esperar, fui direta ao wc e tirei a roupa de baixo! Ah ah

Pior foi enfiar tudo dentro da mala, mas lá me safei… e lá vamos nós a caminho de Debrecen!

Regras

Para quem não está habituado ás regras árabes, isto não é nada! Mas lá… é um autêntica aventura! Só para terem noção, para além de poder ser despedida, podia ter sido acusada de atentado ao pudor!  Felizmente nem o taxista conseguiu perceber! O truque dos prédios funciona mesmo! 😛

O casamento

Cheguei a Debrecen á hora certa para ir ao jantar de ensaio, recheado de comida húngara. O casamento teve tantas tradições:

  • Os noivos plantaram uma arvore (haverá coisa mais romântica para se fazer no dia em que dá-mos o nó?) 🙂
  • A meio do casamento raptaram a noiva e o noivo teve de a “salvar” – tal qual príncipe encantado!
  • Cortaram a roupa toda ao noivo (OMG lá se vai o fato… mas de qualquer forma provavelmente nunca mais seria usado e assim ainda fizeram uns trocos!)
  • Os noivos dançaram a valsa! – mas em condições porque tiveram aulas e ensaios e tudo! Aplausos!
  • Um grupo dançou folclore
  • e no final e segundo o que percebi é costume o grupo de homens “batalhar” para ver quem bebe mais palinka (bebida típica)

Foi um casamento recheado de surpresas, especialmente para os portugueses e muito divertido!

Deixo-vos algumas fotos da comida 🙂

Goulash e gnocchi hungria comida tipica Comida tipica hugria cozido

Debrecen

No dia seguinte aproveitei para dar uma voltinha por Debrecen e ficar a conhecer a cidade. Tive ainda a sorte de serem as festas da cidade! 🙂

Aproveitei para fazer a visita de comboinho e para me perder numa feirinha artesanal!

Deixo-vos ficar as fotos, espero que gostem.

Palácio Arredores Debrecen Hungria Praça  mercado traseiras hotel debrecen debrecen hungria Debrecen hungria estatua Chafarix praça central debrecen hungria

 

köszönöm ( Obrigada) por lerem o post! Que acham de um post sobre Budapeste? Fui lá noutra ocasião! 😛

Beijinho,

Tiff

Deixa-nos o teu comentário